* notas:
- O FARANI CINCO TRÊS surgiu através da oficina orientada pelo poeta Chacal, na Biblioteca de Botafogo. Parceria da SMC RJ. Iniciada em Abril de 2011.
- O Farani Cinco Tres participa do projeto FORA DE ÁREA, em parceria com a rede NORTE COMUM, e realização do SESC Rio! As oficinas de jogos poéticos do FORA DE ÁREA acontecem todas as quintas feiras, às 18h30. Na biblioteca do SESC TIJUCA. É de graça, é só chegar. Recomeça em abril de 2013. É só chegar!
- O próximo CEP20000 será na última semana do mês. No Espaço Sérgio Porto [Rua Humaitá, 163 / fundos – 2535 3846]. Sob a coordenação do poeta Chacal, poesia, música, cinema e muito mais. Só vendo, indo, vivendo. O FARANI CINCO TRES também está por lá!

- FARANIS livros!
#JOSE HENRIQUE CALAZANS relançou seu livro, em versão ampliada - com poemas novos: QUEM VAI LER ESSA MERDA? no Sarará, o sarau, que acontece no Spa Cultural PAz, no Catete, dia 12 de outubro - das crianças!
#ALICE SOUTO lançou seu fanzine POESIA AUTO-SUSTENTÁVEL, em versão bilingue, na FLIP2012 em Paraty.
#
FELIZPE FRUTOSE lançou seu FRUTA AFRODISIACA (amostra grátis) no dia 23 de março de 2012! lançamento virtual já com mais de 500 visualizações! PARABÉNS, FELIZPE! Para ler, CLIQue aQui!
#SILVIA CASTRO lançou o seu PRIMEIRO, em dezembro de 2011, também online. Quer ler? CliQue AQui!
#CESAR GOMES
lançou também o seu Livro 22, em novembro de 2011, que pode ser lido AQui!
#ANA SCHLIMOVICH também lançou o seu ANAFENIX, em dezembro de 2011! poemas e fotos de las anas: AqUi!


quinta-feira, 26 de maio de 2011

Fracassado

O meu medidor
(de sucesso)
Está se apagando

Agora são poucos
Os pontos-de-luz-branca
Da máquina
Que mostra a quantidade
De pessoas
Que pensam em mim
Nesse exato momento

Faz tempo
Que não canto
Em programas
De televisão
E o meu último sucesso
Foi há dez anos

É o mesmo tempo
Que não saio
Dessa ilha-deserta
(onde nunca amanhece)

Sol não há
Só a querida, maldita
Senhorita-Escuridão
Ela é minha única companhia
É a minha platéia

Se o meu medidor
(de sucesso)
Apagar de vez
E a minha amante lua
Nunca mais brilhar
Terei que me casar
Oficialmente
Com a Senhorita-Escuridão

“- Escuridão
me aceite
como o seu legítimo-esposo
seja a minha senhora
prometo estar contigo
até o dia
em que nascerei de novo
e verei novamente a luz
da sala-de-parto
de uma maternidade qualquer.”

5 comentários:

thadeu c santos disse...

a apresnetação deste texto foi surpreendente. eu que estava a plateia, aplaudi com vontade. muito bom.

Lucinha disse...

Também gostei muitíssimo. Me surpreendeu. parabéns!
=D

luizbrito4 disse...

Pena que não pude ir ao CEPE mas irei no proximo,pelo que li a apresentação deve ter ficado linda como este poema.
Parabens Felipe.

BrIncAPalavrA disse...

Esse texto respirou muito bem na performance!

uma história à margem disse...

felipe, inventor e artista tem a m esma raiz. você se reinventou ali no palco. pensou além do texto. até o tremor da sua fala foi bonito. vamos em frente.